Gabriel Tarde – As Leis Sociais

Descobri um erro de tradução – na verdade um erro mecânico, bobo, um tremendo cochilo – na minha tradução de As Leis Sociais, de Gabriel Tarde.

Está na página 20, linha 15. A tradução correta é: Repetição significa produção conservadora, causação simples e elementar sem nenhuma criação (…).

Apesar das inúmeras e cuidadosas revisões, e da consulta simultânea da tradução americana de Howard C. Warren ao longo de todo o trabalho, acabou escapando esta frase: Repetição significa repetição conservadora (…).

Por sorte, esse erro irônico (no qual a palavra repetição é… repetida) não compromete a compreensão do texto. O que mais me irrita é que eu me lembro claramente de ter, em algum momento, estranhado essa frase. Obviamente, algo me distraiu nessa hora e eu acabei me esquecendo de conferir o original e fazer a correção. O erro também passou despercebido pela revisora, que tem grande experiência na área.

Na próxima semana irei corrigir pessoalmente os exemplares ainda à venda. Peço desculpas aos leitores que já compraram o livro.

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: